Juca Entrevista Sorín

juca entrevista sorin

Pra quem gosta de um bom papo, independente da paixão clubística, vale a pena conferir!

Juca Kfouri recebe o argentino Juan Pablo Sorín em seu programa de entrevistas na ESPN.

Sorín é um jogador que fora de campo está muito acima da média.

E o Juca dispensa comentários…

Hoje, dia 20, na ESPN – 9 da noite

Anúncios

O mundo é o que se vê de onde se está

O Ópio do Povo não se esqueceu do Dia da Consciência Negra.

Mas não vai aproveitar a data para falar de Zumbi.

Ao invés disto vai recorrer a uma figura mais contemporânea.

Milton Santos foi uma das principais cabeças pensantes deste país. Está no mesmo panteão de Paulo Freire e outros poucos, enormes em pensamento e ação.

Intelectual, mas não como sugere a palavra nos tempos de hoje.

Ele era de uma espécie em extinção, homens íntegros e pensantes que conseguem levar as idéias ao mundo real.

Em qualquer outro país Milton Santos seria um ídolo nacional, festejado em todas partes.

Mas aqui continua a ser confundido com a enciclopédia Nilton Santos, outro gigante.

Mas felizmente o Milton não é o Nilton. Cada qual em seu caminho.

Neto de escravos Milton Santos não jogava bola em sua infância. Aproveitava o tempo no lar para se educar.

Aos 8 anos já havia terminado o primário, sabia francês e se preparava para o ginásio que só viria em 2 anos. Tudo em casa.

Milton também nunca foi a um estádio de futebol. E confessou ser esta uma de suas frustrações.

É uma pena que Milton seja tão pouco conhecido no Brasil. E mais pena ainda que seu exemplo seja tão pouco seguido.

Veja o excelente documentário de Sílvio Tendler

Encontro com Milton Santos – O Mundo Global Visto do Lado de Cá

Continue lendo