Reconciliação

Este foi o primeiro gol de Messi sob o comando de Diego Maradona. A narração é do histórico e folclório Victor Hugo Morales, o mesmo que narrou com puro sentimento de pós guerra os gols de Diego contra a Inglaterra, na copa do México em 86.

No primeiro gol Morales diz, em um tom carregado de satisfação, que a Argentina vence por 1X0, com um gol de mão, o que querem que eu diga?

No segundo, o emocionado narrador chega a agradecer a Deus pelo futebol, por Maradona. E inocentemente chama o craque de barrilzinho cósmico.

Não escondo de ninguém o quanto torço para que a aventura maradoniana na alviceleste dê certo. Neste blog mesmo já manifestei meu desejo, afinal, é o melhor jogador que minha geração viu jogar, os brasileirinhos aceitando ou não. Mas vai além da vontade, sigo afirmando que existem alguns argumentos pra lá de plausíveis de que a experiência pode render bons frutos.

Diego é o único capaz de fazer os argentinos perderem sua conhecida soberba. A arrogância que talvez explique tão poucas copas na prateleira mesmo com tantos craques desfilando pelos campos do mundo ao longo destes quase 80 anos de mundiais.

Com Maradona no comando os jogadores, outrora tão blazés, tão pedantes, se jogam de cabeça nos pés dos adversários, suam sangue, deixam tudo

O 10 foi contratado pra recuperar a mística da azul e branca. Pra recuperar o prestígio e o respeito de uma das escolas mais importantes do futebol mundial. E pra ensinar à nova safra que no futebol também é possível se jogar por uma causa.

O jogo contra a França não valia copa do mundo, não valia nada, era simplesmente um amistoso. Mas o time argentino jogou como se fosse uma final. Final de copa, de champions, de campeonato de pelada na Villa Fiorito.

E se a vitória não rendeu taça nem ao menos 3 pontinhos, valeu pelo menos para o treinador. A estréia foi contra a fraquíssima Escócia, então a França era o batismo de verdade. Quem sabe agora as chacotas não cessam?  

Independente das piadas, a verdade é que qualquer time que tenha um ataque com Messi, Aguero e Tévez deve ser respeitado, e muito. É um trio de dar inveja aos grandes esquadrões do futebol mundial, ao Manchester, ao Barça, à qualquer seleção, até a nossa. Ou você não gostaria que os 3 fossem brasileiros?

Hoje vi França X Argentina torcendo de verdade. Torcendo como se fosse um jogo do Galo, torcendo bem mais que torci na terça. Foi a primeira vez, depois que voltei ao Brasil, que me permiti torcer pela Argentina.  Quando lá estava isto era impossível.

Mas hoje, passado mais de um ano do meu regresso, permito-me reatar esta pequena parte, adormecida em meio às lágrimas vertidas na bacia platina. Sem sentimentos piegas, sem eximir minhas divergências ao sonho europeu que vive Buenos Aires, sem esquecer minhas reticências sobre a pseudo politização de seu povo, sobre a falsa roupagem de cultura que esconde a verdadeira cara argentina, a cara de Carlitos, a cara do povo.

Ainda com todos estes poréns, hoje me reconciliei com um dos meus amores mais antigos, o futebol argentino. O mesmo futebol que me encantou na vitória de 86 e na derrota de 94. O futebol que me apresentou os compassos descontrolados de Piazzola, as narrativas fantásticas de Cortázar, os olhos arregalados e assustados de Spilimbergo. A classe imperturbável de Redondo, a genialidade delirante de Maradona.

O futebol argentino que eu nego, ou melhor, que nos últimos 3 anos tanto neguei, mas que hoje eu confesso… o futebol que voltei a amar.

Anúncios

20 Respostas

  1. Olá Bernardo,
    eu também admiro o futebol argentino (não chego a amá-lo não) e principalmente essa garra incrível de seus jogadores, que têm coragem de entrar em qualquer dividida e disputar um amistoso como se fosse final mesmo. Na verdade, se só o Riquelme fosse brasileiro já estaria de bom tamanho! rs E acredito que o Maradona dê certo no comando pela sua genialidade e pelo respeito que os jogadores têm por ele.

    Obrigada pela visita, pelo comentário e pela sugestão do livro, o qual eu conheço, ainda não li, mas pretendo ler.
    Abs!

  2. Olá Lara!
    Obrigado pela visita também… e sobre o livro, vale a pena demais!!!!
    Até pra quem não gosta de futebol…
    Abraços!

  3. Não, Bernardo!

    Argentina, Argentina, Argentina… Arghhhh! Pára com isso!
    hehehehe!!!

    O futebol argentino é realmente um dos melhores. Mas sem ufanismo… sou mais o futebol brasileiro. E vou além. Sou mais Robinho, Ronaldinho, Kaká e Pato do que os ótimos Tévez, Agüero e Messi.

    Abraço,

    Rafael Igor
    http://www.passesdeletra.blogspot.com

  4. Eai Rafael, td tranq!!!
    Pra que não haja dúvidas e especulações, no geral também prefiro o futebol brasileiro ao argentino, gosto mais de como trazemos a coisa pra individualidade, pro drible, mais que o refinado toque de bola argentino que sempre privilegiou o jogo coletivo…
    Mas na atualidade pra mim não tem comparação…
    Destes 4 jogadores que você citou:
    Kaká é inquestionável e incomparável, não discuto.
    Pato ainda tem muito pra mostrar, mas sem dúvida é um jogador diferente, muito, mas muito especial. A forma como ele bate na bola, dando tapa, me encanta.
    Agora, Robinho e Ronaldinho não podem nem lamber a chuteira do Messi, sério… A Pulga tá anos luz a frente destes 2. E pra mim, hoje, Carlitos e Aguero também são melhores que Ronaldonho e Robinho…
    Robinho e Tévez vem sendo comparados desde que Carlitos veio pro Corinthians e pra mim, sinceramente, Tévez é muito, mas muito melhor!!! Muito mais competitivo e objetivo que Robinho…
    Bom, pra ficar bem com você e comigo, jejejejejeje, fico com Kaká, Pato, Carlitos, Aguero e Messi… Anh, quem segura este time?
    Abraços!

  5. Vai pra argentina entao meu filho, ja que gosta tanto deles porque nao vai pra la?
    Sai fora e deixa a gente com Robinho e Ronaldinho.

  6. Bloggeiro argentinoooooooooooo!!!!
    Sai fora!!!!!!

  7. Concordo com você,
    hoje a geração argentina é bem melhor que a nossa sim.
    E o Messi, não existe nenhum outro jogador neste planeta que possa serr meramente comparado a ele, é impossivel.
    Hoje Messi é o melhor do mundo, mas o melhor muito a frente dos demais. Muito mesmo.
    Bjus

  8. E o Dunga de técnico!

    hehehehehe!

    Brincadeira!

    Abraço,

    Rafael Igor
    http://www.passesdeletra.blogspot.com

  9. Se vc gosta tanto da argentina por que num vai pra la????????
    Ronaldinho é MUITO MELHOR que messi!!!!!!!!!!!

  10. Bah, onde ja se viu comparar o futebol brasileiro com o argentino.
    sao 5 estrelas contra 2.
    bah, ta louco guri.

  11. Eu concordo que na atual fase o futebol argentino está melhor sim.
    Mas no geral, o brasileiro é melhor, pelo menos pra mim.
    Acho que foi isso que vc disse, nao foi Bernardo?
    Bjos

  12. Também sou um grande admirador do futebol argentino.
    Da garra, da luta, mas principalmente dos aspectos técnicos.
    Tecnicamente o futebol argentino não deve nada ao nosso, sinceramente. Acho que nós somos melhores, mas se tem um país que incomoda, no ponto de vista técnico, é a argentina.
    Abraços e parabens pela coragem!

  13. Que onda errada é essa?
    Vai torcer pra argentina entao!
    Vai viver na argentina entao!!

  14. Fala sério, desde quando o futebol argentino é melhor que o brasileiro?
    FALA SÈRIOOOOOO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  15. Eu nasci em 78 e não concordo com essa afirmação que Maradona é o melhor da minha geração.
    Ronaldo Fenômeno foi mutioooooooooooooooooooooooooooooooooo
    melhor que ele.
    Mas muito mesmo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  16. Nossa, eu amo o Tévez!!!!
    Melhor jogador que eu vi jogar com a camisa do meu Timão.
    abraços

  17. O futebol argentino fede.
    Os jogadores argentinos fedem.
    Sites que defendem os argentinos fedem.
    A Argentina fede!
    Vamu explodir Itaipu e afogar os hermanosssssssssss!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  18. Eu amo o Messi!
    Ele é tão pequenininho… e consegue atingir uma velocidade com a bola nos pés que meu deus. Impressionante!

  19. Bem,
    como chegaram muitos comentários de uma vez ficou impossível responder um por um… e como muitos foram só pra xingar, então nem preciso responder…
    Obrigado a todos, aos dos insultos, aos dos apoios e aqueles que só quiseram conversar, debater, colocar seu ponto de vista…
    Abraços a todos e todas!!!!!

  20. […] (vbc) vbc.style.visibility = ‘hidden’; e.style.backgroundColor = ‘#fff’ }); }); Feb 12 Reconciliação trackback from post […Este foi o primeiro gol de Messi sob o comando de Diego Maradona. A […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: