Ironia da bola

Até a partida de ontem, contra o Grêmio Itinerante, o Galo havia jogado 12 vezes e em todas as partidas havia sofrido gol.

Ao todo foram 19 tentos sofridos nos 12 primeiros jogos do ano.

Ontem o Galo entrou disposto a mudar esta história. E mudou, pelo menos em parte.

Pela primeira vez na temporada o alvinegro de Belo Horizonte terminou a partida sem levar gol.

No entanto, também não conseguiu marcar contra o lanterna do Paulistinha e, com o 0 X 0, deu adeus à Copa do Brasil 2011.

Ironia da bola, que draga danada.

Imagem: Café e Conspiração

A profecia de Milton Nascimento e Leila Diniz

José Trajano é o jornalista esportivo mais musical que eu conheço. Tenho me divertido com suas dancinhas no videoblog, uma graça!

Ele tem fama de mal humorado, mas quem acompanha a transmissão da Copa do Mundo pela ESPN Brasil tem visto outro Trajano na África do Sul, sorridente, brincalhão e cheio de graça.

Mas não é sobre isto que eu quero falar. Ontem, após a semifinal que garantiu a Espanha na decisão, Trajano trouxe à luz uma bela canção de Milton Nascimento e Leila Diniz chamada Um cafuné na cabeça, malandro, eu quero até de macaco.

Esta música foi lançada originalmente no álbum Sentinela, de 1980, mas foi composta bem antes já que Leila faleceu em 1972.

Os primeiros versos da canção:

Brigam Espanha e Holanda
pelos direitos do mar.

Espanhóis e holandeses brigam neste domingo pelo título da Copa do Mundo. A final será em Joanesburgo, longe do mar. Mas a lembrança vale em tom de profecia.

Salve Milton e Leila! Salve a boa música e o bom futebol!

Clique no rádio logo abaixo para ouvir a versão original da música Um cafuné na cabeça, malandro, eu quero até de macaco. A versão conta com uma gravação da própria Leila Diniz, lindíssima!

A maior defesa da história das Copas!

No último segundo da prorrogação, confusão na área uruguaia. Um homem de camisa celeste tiro o gol certo em cima da linha, mas a bola segue viva. Dominic Adiyiah testa firme, a bola passa pelo goleiro Muslera, pelo lateral Fucile e se encaminha às redes.

Mas eis que aparece a mão salvadora de Luis Suárez, atacante da Celeste Olímpica. Atacante? Peraí, então é pênalti!

Foi pênalti sim senhor. Mas a chance da vitória foi desperdiçada por Asamoah Gyan que bateu a infração no travessão. Pênalti perdido, jogo terminado. E decisão na marca da cal.

E na disputa de pênaltis o Uruguai levou a melhor sobre Gana.

A defesa salvadora de Luis Suárez no último suspiro da prorrogação lhe rendeu o cartão vermelho, mas garantiu à Celeste Olímpica uma vaga nas semifinais da Copa, algo que não acontecia há 40 anos.

Por isto insisto, a mão de Luiz Suárez na cabeçada de Dominic Adiyiah não foi simplesmente um pênalti, foi a maior defesa da história das Copas!

Que Gordon Banks que nada, a maior defesa de todos os tempos é essa de Luis Suárez!

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.
A maior defesa da história das Copas!, postado via vodpod

Imagem: Fifa
Vídeo: Globo

Camarão que dorme o Honda leva

Camarões perdeu para o Japão por 1 X 0 em mais um jogo fraquinho da Copa.

O gol japonês foi marcado por Keisuke Honda – jogador do CSKA de Moscou – que eu elegi como revelação da última Champions League.

Fica o ensinamento do Zeca Pagodinho, Camarão que dorme o Honda leva…

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

mais sobre Camarão que dorme o Honda leva, postado via vodpod
Vídeo: Globo

O Inquestionável Chelsea

O Chelsea conquistou hoje, de forma irrefutável, o quarto tíulo inglês de sua história, o 3º da era Roman Abramovich.

O caneco veio com uma impressionante goleada, 8 X 0 sobre o Wigan no Stamford Bridge. O resultado pode parecer atípico, mas não para os comandados de Carlo Ancelotti. Nesta temporada, foram 13 jogos com goleadas onde os Azuis de Londres marcaram pelo menos 4 vezes, incluindo aí alguns resultados estrondosos como um 7 X 2, um 7 X 1, um 7 X 0 e o 8 X 0 de hoje. A lista pode aumentar já que, no próximo sábado, 15 de maio, o Chelsea disputa a final da Copa da Inglaterra contra o falido e rebaixado Portsmouth e ninguém duvida da possibilidade de mais uma chuva de gols azuis. Abaixo, segue a lista das goleadas na atual temporada:

4 X 0 Atletico de Madrid (Casa – Liga dos Campeões da Europa)
5 X 0 Blacburn Rovers (Casa – Campeonato Inglês)
4 X 0 Bolton (Casa – Copa da Liga Inglesa)
4 X 0 Bolton (Fora – Campeonato Inglês)
4 X 0 Wolverhampton (Casa – Campeonato Inglês)
5 X 0 Watford (Casa – Copa da Inglaterra)
7 X 2 Sunderland (Casa – Campeonato Inglês)
4 X 1 Cardiff City (Casa – Copa da Inglaterra)
4 X 1 West Ham (Casa – Campeonato Inglês)
5 X 0 Portsmouth (Fora – Campeonato Inglês)
7 X 1 Aston Villa (Casa – Campeonato Inglês)
7 X 0 Stoke City (Casa – Campeonato Inglês)
8 X 0 Wigan (Casa – Campeonato Inglês)

Este ataque avassalador propiciou ao Chelsea não só o título, mas também a marca de melhor ataque da fase moderna do Campeonato Inglês, a Premier League, fundada na temporada 1992/1993. De lá para cá, o ataque mais positivo era do Manchester United de 1999/2000 que, liderado por Dwight York e Andy Cole, balançou as redes 97 vezes.

47 anos nenhum time conseguia ultrapassar a barreira dos 100 gols no Campeonato Inglês. A última vez que esta marca havia sido alcançada foi na temporada 1962/1963, quando o mesmo Chelsea marcou 103 vezes e o Tottenham – com 37 gols de Jimmy Greaves, atacante revelado pelo Chelsea – chegou aos 111 tentos. Vale ressaltar que nesta época o campeonato inglês era jogado por 22 clubes, o que resulta em 42 jogos. Hoje são 20 times e um total de 38 partidas. O melhor ataque de toda a história do Campeonato Inglês é o do Aston Villa da temporada 1930/1931 com 128 gols em 42 jogos.

Além do título e das marcas, a campanha do Chelsea serviu também para que se saque um rótulo de seu treinador, Carlo Ancelotti. O italiano foi sempre – na minha opinião injustamente – taxado de técnico retranqueiro. Mas com estes números fica difícil insistir na tese de que Ancelotti só se preocupa com a defesa, a campanha do time londrino fala por si só.

Outro ponto digno de nota na conquista do Chelsea, nos 6 confrontos pelo Campeonato Inglês contra os demais times do chamado Big Four (Arsenal, Liverpool e Manchester United), a equipe de Londres venceu todos e tomou apenas um gol. Bateu os Gunners por 2 X 0 em casa e por 3 X 0 fora. Contra o time da terra dos Beatles, 2 X0 em Londres e o mesmo placar em Liverpool. E contra os Red Devils triunfou por 1 X 0 no Stamford Bridge e 2 X 1 no Old Trafford.

Merecidíssima e inquestionável a conquista do Chelsea.

Imagem: The Guardian

Dois tetras em jogo no Rio

Flamengo e Botafogo se classificaram para a decisão da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca.

E agora dois tetras estão em jogo!

Pela primeira vez em sua história o Flamengo pode conquistar o carioca por 4 anos seguidos. O tri clássico já aconteceu em 5 oportunidades (1942, 1943, 1944 – 1953, 1954, 1955 – 1978, 1979, 1979 Especial – 1999, 2000, 2001 – 2007, 2008, 2009), mas o tetra nunca veio para o clube da Gávea.

O tetra no Rio de Janeiro só aconteceu uma vez, mas mesmo assim existe discórdia sobre o tema. O Fluminense foi campeão em 1906, 1907, 1908 e 1909, mas o título de 1907 foi parar na justiça e acabou divido com o Botafogo. É um tetra, mas manchado pela divisão de um dos troféus.

O outro tetra que está em jogo no Rio não é cercado de glórias e alerias, mas é inédito mesmo, sem discussão. O Botafogo pode ser o primeiro time carioca a ser vice campeão estadual por 4 anos seguidos. Isto nunca aconteceu, nem nos anos da Guanabara.

Em todas suas versões, o Campeonato Carioca de Futebol já teve 6 tri vices, Flamengo (1936 pela Liga Carioca de Futebol, 1937 pela Liga Carioca de Futebol, 1938), Botafogo (1945, 1946, 1947), Flamengo (1982, 1983, 1984), Flamengo (1987, 1988, 1989), Vasco (1999, 2000, 2001) e Botafogo (2007, 2008, 2009). Mas tetra vice seria mesmo inédito.

Pra mim, a chance do Botafogo de cortar sua macabra sequência de vice campeonatos e evitar o primeiro tetra rubro negro é vencer a Taça Rio no próximo domingo. Se o Flamengo vencer o segundo turno e levar a decisão para mais 2 jogos acredito que o Fogão não resita. Tecnicamente o time dirgido por Andrade é bem superior à equipe do Joel Santana e em 2 jogos esta superioridade tem mais chances de prevalecer.

Imagem: Justiça Desportiva

O maior na altura

O maior sou eu… pelo menos na altura.

A declaração é do português Cristiano Ronaldo quando perguntado quem era maior, ele ou Messi.

A frase foi cunhada da coletiva do Real nesta sexta, véspera do super clássico.

Ronaldo despejou elogios ao pequeno argentino e ao fim da coletiva, quando um repórter inglês perguntou Ronaldo ou Messi, ele não titubeou: Ambos.

Concordo demais com o português!

Abaixo, o trecho final da coletiva.

Canal do Youtube: ASslb4ever

Mais uma no calo do Real

Pelo 6º ano consecutivo o Real Madrid caiu nas oitavas de final da UEFA Champions League.

Mas o tormento continua nas quartas, mesmo após a eliminação.

O Bayern de Munique passou pelo poderoso Manchester United. A classificação heróica às semifinais veio dentro do Old Trafford com um gol salvador do holandês Arjen Robben.

Já a Inter de Milão eliminou o CSKA de Moscou tendo como grande protagonista outro holandês, Wesley Sneijder.

Os dois jogadores foram sumariamente dispensados do Real Madrid nesta temporada. Não havia espaço para eles no milionário elenco merengue.

Sorte de Robben e Sneijder, eles foram desdenhados pelo Real, mas agora podem jogar as semifinais do maior torneio de futebol do mundo.

Mais uma no calo merengue que ainda poderá ver o Barça levantar o troféu de bi campeão da Champions em pleno Santiago Bernabéu.

Imagem: Spanish Football Sports

Só um xixizinho…

O Stuttgart precisou de apenas 11 minutos pra definir sua vitória sobre o Unirea Urziceni, pela última rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões.

O restante da partida não passou de burocracia, todos à espera do apito final. Talvez por isto o controverso goleiro alemão Jens Lehmann tenha se entediado e, apertado, não pensou duas vezes para sair de sua meta e fazer aquele xixizinho atrás do gol…

E o detalhe, a balançada veio só depois… com tudo guardado dentro da bermuda…

Flamengo X Grêmio na Arena HSBC!

O Flamengo assumiu a liderança do Brasileirão 09 na penúltima rodada e agora só precisa vencer o desinteressado Grêmio no Maracanã para levantar a taça.

Os ingressos para a decisão de domingo foram vendidos em poucas horas e o que se viu no maraca, além da empolgação e da alegria rubro negra, foi muita confusão.

Mais uma vez a despreparada polícia militar carioca protagonizou cenas lamentáveis – desorganizando, mas diferentemente do inesquecível Chico Science e de sua Nação Zumbi, sem o intuito de organizar.

Muita gente saiu do Maracanã frustrada, sem ingresso e, pior, machucada. O famoso torcedor gado

Diante de tais cenas. o pessoal do marketing do Flamengo agiu rápido para proporcionar ao torcedor rubro negro que não conseguiu ingresso a emoção do possível título mesmo fora do maraca. E para isto juntou o futebol à modalidade que conseguiu os melhores resultados para o Flamengo nos últimos anos, o basquete.

É que além da decisão do campeonato brasileiro de futebol, domingo também tem jogo válido pelo nacional de basquete, o NBB. Flamengo X Pinheiros jogam às 13 horas, na Arena HSBC, no Rio de Janeiro. O torcedor que comparecer ao ginásio na Barra poderá acompanhar o jogo contra o Grêmio em um telão full HD de 75 metros quadrados.

Excelente iniciativa de mão dupla. Além de incrementar o público do basquete, o torcedor poderá ver a decisão do futebol no clima da torcida flamenguista e com todo conforto que moderna Arena HSBC oferece.

Imagem: FlaMarketing

Caim caim caim…

Pra quem não entendeu o título, caim é a onomatopéia geralmente utilizada para o choro canino, pelo menos era assim que se lamentavam Bidu e Floquinho nos áureos tempos de Turma da Mônica.

E quando vi este gol do Anderlecth contra o Roeselare, pelo campeonato belga, foi impossível não aliar a figura do goleirão Jurgen Sierens a um cachorro perdido na ensandecida busca pelo próprio rabo.

É verdade que eu ri, mas confesso que ao ver o lance acima fui tomado por uma saudade cortante. Não dos meus tempos de criança quando lia e relia as deliciosas histórias da Turma da Mônica, mas do cachorro mais louco que já me acompanhou nestes quase 29 anos de vida, Becky Betão, o cachorro doidão que só queria saber de rodar…

Sem exageros, ele rodava quase todo tempo em que estava acordado

Desenvolvi uma relação muito especial de cumplicidade com esse cachorro que esteve comigo nos últimos meses de Argentina… éramos mais que amigos, éramos irmãos… quase morremos juntos quando um carro perdeu o controle na belíssima avenida del Libertador, em San Isidro, e quase, mas quase mesmo, nos chapou contra o muro… essa foi por pouco.

Depois que voltei ao Brasil, Betão se tornou agressivo. Nem com minha amiga Justina, a única além de mim capaz de aguentar seu comportamento quase esquizofrênico, ele se deu mais. E escolheu viver sozinho, longe de todos.

Becky Betão era realmente raro. Mas era um cachorro especial. Um cachorro que só queria rodar

Imagem: Justina Parma
Canal do Youtube: simonrsca

O futebol e a higiene bucal

Os estádios de futebol, mundo afora, reservam uma infinidade de seres e atitudes estranhas, bizarrices das mais variadas naturezas.

Eu, sempre que viajo, arrumo um jeitinho de acompanhar um jogo ao vivo, qualquer que seja. Já vi até Tigre (ARG) X Chacaritas Juniors (ARG), Juventus (SP) X Linense (SP), Ananindeua (PA) X Tuna Luso (PA), entre tantos outros.

Nos diferentes estádios que já visitei, vi de tudo um pouco… mas a Premier League conseguiu, mais uma vez, me surpreender.

Escovar os dentes nas arquibancadas e, ao mesmo tempo, putear o adversário é realmente uma novidade para mim…

Canal do Youtube: iFCBarca

Vieri pode jogar Paulistinha 2010

bobo_vierri_azzurra

Quando ouvi a notícia confesso que cheguei a questionar minha sobriedade, seria mais um flashback lisérgico???

Não, não haviam drogas nem delírios, pelo menos não de minha parte.

Embora ainda não seja certo, a história existe mesmo e foi confirmada no Bate Bola da ESPN Brasil pelo presidente do Botafogo de Ribeirão Preto, Luiz Antônio Pereira.

O aposentado Christian Vieri il Bobo –  pode mesmo jogar o campeonato paulista do ano que vem… e pelo Botafogo de Ribeirão Preto!

De acordo com o sítio oficial do Botinha, as negociações se desenvolvem há cerca de 60 dias e o jogador italiano já teria até assinado um pré contrato com a Pantera da Mogiana.

Eu nunca fui fã do Vieri, sempre o achei um jogador de força e nada mais. Sem falar no uso excessivo dos cotovelos, algo que realmente abomino. Mas mesmo assim reconheço seus dotes de goleador.

Ao longo de sua carreira em clubes, o Bobo Vieri balançou as redes 185 vezes em 330 partidas e pela Azzurra foram 23 gols em 49 jogos, sendo 9 destes tentos em Copas do Mundo (5 em 1998 e 4 em 2002 – 9 gols em 9 partidas de Copa não é pra qualquer um). Números indiscutivelmente muito bons!

Mas desde a temporada 2002/2003, quando jogando na Inter de Milão marcou 24 gols em 23 partidas pela liga italiana, ele não consegue convencer.

2003/2004 – Inter de Milão – 13 gols em 22 jogos
2004/2005 – Inter de Milão – 13 gols em 27 jogos
2005/2006 – Milan – 1 gol em 8 jogos
2005/2006 – Mônaco – 3 gols em 7 jogos
2006/2007 – Atalanta – 2 gols em 7 jogos
2007/2008 – Fiorentina – 6 gols em 26 jogos
2008/2009 – Atalanta – 2 gols em 9 jogos

A minha dúvida quanto ao Vieri é a mesma que eu tinha em relação ao Ronaldo – logicamente sem comparações, as proporções são as mesmas, Ronaldo está para Vieri assim como o Corinthians está para o Botafogo de Ribeirão Preto.

Se ele jogar, se as contusões não atrapalharem, seguramente Vieri será muito útil ao Botinha. Tanto dentro de campo – afinal, estes times pequenos do interior sempre têm sua cota de velhinhos e o Bobo, com 36 anos, já mostrou que sabe fazer gols – como fora dele, pois ninguém pode dizer que a suposta contratação não é uma grande jogada de marketing.

E te digo mais, se ele fizer uns golzinhos no Paulista não duvido nada que após o regional apareça na série A do Brasileirão.

Abaixo, aquele que – para mim – é o melhor gol da carreira de Christian Vieri. No Vicente Calderón, jogando pelo Atlético de Madrid contra o Paok da Grécia, pela Copa da Uefa 1997/1998. Vale a pena conferir!

Imagem: Bobo Vieri mister 90 miliardi
Canal do Youtube: takischris

Cai Cai Balão…

Sunderland X Liverpool jogavam pela 9ª rodada do campeonato inglês no Stadium of Light.

Logo aos 4 minutos do primeiro tempo, o bom Darren Bent recebeu a bola dentro da área, bateu rasteiro e… e gol do balão!!!

O tento aeróstato definiu o jogo, Sunderland 1 X 0 Liverpool.

E o balão é o novo ídolo da galera!!!

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

mais sobre “Cai Cai Balão…“, postado via vodpod

Números super interessantes

super_interessante-outubro-2009A dica – mais uma vez – é da Val.

A revista Super Interessante – em sua edição deste mês – publicou na seção Banco de Dados uma matéria muito bacana com números super interessantes – se me permitem o trocadilho – sobre o mundo do futebol.

O texto é assinado por Henrique Ribeiro e leva o título Na Terceira Divisão, uma irônica e ótima sugestão sobre o lugar em que nos encontramos – fora das quatro linhas – no universo da bola.

A questão básica que se apresenta através dos números colocados por Henrique é se somos realmente o país do futebol?

Abaixo reproduzo o que li na revista.

Money-Soccer-ball∞ 1,4 bilhão de reais é a soma das receitas dos 21 principais times de futebol do Brasil.
Se estes 21 times fossem uma empresa, ela seria a 130ª no ranking corporativo nacional.

∞ A divisão geográfica desta receita é a seguinte:

São Paulo < 40,2% – 570 milhões, 668 mil reais.
Rio de Janeiro < 20,3% – 287 milhões, 742 mil reais.
Rio Grande do Sul < 17% – 241 milhões, 206 mil reais.
Minas Gerais < 10,7% –  151 milhões, 701 mil reais.
Paraná < 7,1% – 99 milhões, 430 mil reais.
Santa Catarina < 2% – 28 milhões, 322 mil reais.
Pernambuco < 1,4% – 19 milhões, 756 mil reais.
Bahia < 1,3% – 18 milhões, 882 mil reais.

money_tree-árvore_de_dinheiro∞ Todos os times brasileiros juntos representam 0,048% do PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil.
Só Barcelona e Real Madrid correspondem a 0,062% do PIB espanhol.

∞ 1176 jogadores trocaram clubes brasileiros por estrangeiros em 2008.
659 fizeram o caminho inverso.

∞ A TV Globo paga 400 milhões de reais por ano pelos direitos de transmissão do campeonato brasileiro da 1ª divisão.
116 milhões é o preço de cada uma das 5 cotas de patrocínio vendidas pela emissora para o futebol de 2010.

∞ 380 mil brasileiros são sócios-torcedores de seus respectivos clubes e pagam mensalidade média de 20 reais.
26% destes sócios torcedores são do Inter de Porto Alegre.

∞ 40 mil reais é o custo médio anual da manutenção de um jogador de categoria de base no Brasil.

∞ 1,1 milhão de reais é o rendimento mensal do ronaldo Fenômeno, jogador mais bem pago do futebol brasileiro.
80% deste valor vem de patrocínios e apenas 20% do Corinthians.

soccer-and-money-ball-toon∞ 250 milhões de reais foi o valor pago pelo Real Madrid ao Manchester United para adiquirir o futebol do português Cristiano Ronaldo.
Nem todo o faturamento de Flamengo e Corinthians juntos no ano de 2008 (235 milhões de reais) daria para comprar os direitos do CR7.

∞ 39,5 bilhões de reais é o investimento previsto para a realização da Copa do Mundo de 2014, no Brasil.

∞ Na Europa, 169 pessoas desistem de se matar em ano de Copa do Mundo.

∞ 715 milhões de pessoas assistiram pela TV a final da Copa do Mundo de 2006, na Alemanha.
4 vezes mais que a audiência da última edição do SuperBowl (final do futebol americano que tem  o segundo mais caro da publicidade televisiva mundial).

∞ 265 milhões de pessoas jogam futebol no planeta.
Isto representa 4% da população mundial.

∞ Destes 265 milhões de praticantes, 26 milhões estão na China, país com maior número de futebolistas no mundo.
No Brasil são 13 milhões de praticantes.

monks_soccer-futebol_dos_monges

∞ 19% da população alemã joga futebol.
No Brasil este número é de 7%.

∞ A Inglaterra possui 40 mil times de futebol.
O Brasil tem 29 mil.

rungrado-may-day-pyongyang-coreia_do_norte

∞ O maior estádio de futebol do Mundo fica na Coréia do Sul (na matéria da Super Interessante saiu Coréia do Sul, mas na realidade o estádio em questão é o Rungrado May Day, na cidade de Pyongyang na Coréia do Norte) com capacidade para 150 mil espectadores.
No Brasil o maior estádio comporta 87 mil pessoas.

∞ O último campeonato alemão teve média de público de 41 mil, 904 espectadores.
No último Brasileirão a média foi de  16 mil 992 pessoas por partida.

Imagens: Soccer Picks Site, Mexico in Small Bytes, Baixe Muito, Estádios de Portugal e do Mundo, Flicker do Samer! e Czech Mate Diary