Vieri pode jogar Paulistinha 2010

bobo_vierri_azzurra

Quando ouvi a notícia confesso que cheguei a questionar minha sobriedade, seria mais um flashback lisérgico???

Não, não haviam drogas nem delírios, pelo menos não de minha parte.

Embora ainda não seja certo, a história existe mesmo e foi confirmada no Bate Bola da ESPN Brasil pelo presidente do Botafogo de Ribeirão Preto, Luiz Antônio Pereira.

O aposentado Christian Vieri il Bobo –  pode mesmo jogar o campeonato paulista do ano que vem… e pelo Botafogo de Ribeirão Preto!

De acordo com o sítio oficial do Botinha, as negociações se desenvolvem há cerca de 60 dias e o jogador italiano já teria até assinado um pré contrato com a Pantera da Mogiana.

Eu nunca fui fã do Vieri, sempre o achei um jogador de força e nada mais. Sem falar no uso excessivo dos cotovelos, algo que realmente abomino. Mas mesmo assim reconheço seus dotes de goleador.

Ao longo de sua carreira em clubes, o Bobo Vieri balançou as redes 185 vezes em 330 partidas e pela Azzurra foram 23 gols em 49 jogos, sendo 9 destes tentos em Copas do Mundo (5 em 1998 e 4 em 2002 – 9 gols em 9 partidas de Copa não é pra qualquer um). Números indiscutivelmente muito bons!

Mas desde a temporada 2002/2003, quando jogando na Inter de Milão marcou 24 gols em 23 partidas pela liga italiana, ele não consegue convencer.

2003/2004 – Inter de Milão – 13 gols em 22 jogos
2004/2005 – Inter de Milão – 13 gols em 27 jogos
2005/2006 – Milan – 1 gol em 8 jogos
2005/2006 – Mônaco – 3 gols em 7 jogos
2006/2007 – Atalanta – 2 gols em 7 jogos
2007/2008 – Fiorentina – 6 gols em 26 jogos
2008/2009 – Atalanta – 2 gols em 9 jogos

A minha dúvida quanto ao Vieri é a mesma que eu tinha em relação ao Ronaldo – logicamente sem comparações, as proporções são as mesmas, Ronaldo está para Vieri assim como o Corinthians está para o Botafogo de Ribeirão Preto.

Se ele jogar, se as contusões não atrapalharem, seguramente Vieri será muito útil ao Botinha. Tanto dentro de campo – afinal, estes times pequenos do interior sempre têm sua cota de velhinhos e o Bobo, com 36 anos, já mostrou que sabe fazer gols – como fora dele, pois ninguém pode dizer que a suposta contratação não é uma grande jogada de marketing.

E te digo mais, se ele fizer uns golzinhos no Paulista não duvido nada que após o regional apareça na série A do Brasileirão.

Abaixo, aquele que – para mim – é o melhor gol da carreira de Christian Vieri. No Vicente Calderón, jogando pelo Atlético de Madrid contra o Paok da Grécia, pela Copa da Uefa 1997/1998. Vale a pena conferir!

Imagem: Bobo Vieri mister 90 miliardi
Canal do Youtube: takischris
Anúncios

63 gols

63gols

O Paulistão deste ano promete ser um tormento para os goleiros.

Não pelos esquemas táticos super ofensivos dos nossos queridos professores.

É que os 3 artilheiros do último brasileirão, cada um com 21 gols, atuarão por clubes paulistas nesta temporada.

Kléber Pereira permaneceu no Santos onde atuou em 2008.

Washington, carrasco são paulino na Libertadores, trocou as Laranjeiras pelo Morumbi.

E Keirrison, o jovem goleador do Coritiba, deixou o verde do coxa pelo do Palmeiras.

Isso sem falar em Ronaldo, maior artilheiro de todas as Copas do Mundo, que se jogar esquentará ainda mais esta briga.

O campeonato paulista de futebol começa no próximo dia 21.

Timinho!

carlos alberto brujita veron

Evito este tipo de comentário, mas hoje grito com todas as letras: TIMINHO!!!!

É o que o Botafogo demonstrou ser na partida de ontem contra o Estudiantes de La Plata.

Um timinho, um timeco.

O alvinegro carioca simplesmente se esqueceu da bola… foi só porrada!

Um time medíocre metido a valente. Nem isso é. Foi covarde, isso sim.

Abusou das cotoveladas, carrinhos e faltas por trás… intimidação verbal…

Sem falar no destempero do zagueiro André Luís… de novo… Possesso… Descontrolado…

La Brujita Verón foi quem mais sofreu com as pancadas.

O jogo só não terminou antes do tempo porque o juiz com nome de melancia era mesmo um banana.

O Botafogo não ganha nada. E não sabe perder.

Triste, um clube sem função. Vive das glórias do passado. Virou chacota.

Se aplicasse metade da energia que gasta para reclamar e dar porrada, tenho certeza, não perdia pra ninguém.

Como dizem nossos hermanos, QUE PAPELÓN!

No paulistão de 86 Dimas, do XV de Jaú, expulsa o árbitro Carlos Nascimento

No paulistão de 86 Dimas, do XV de Jaú, expulsa o árbitro Antônio Carlos Gomes do Nascimento