Gol do Futebol!!!

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

more about “Iniesta marca para o futebol“, posted with vodpod 

Tudo se encaminhava para a classificação do Chelsea.

O time londrino vencia por 1 X 0 e sua defesa parecia impenetrável. A exemplo da partida no Camp Nou, Alex, Terry, Bosingwa e, principalmente, Essien – autor de uma pintura de gol – eram perfeitos e anulavam todas as armas catalãs.

Até os 48 do segundo tempo o goleiro Petr Cech não havia defendido nenhuma bola, o temido ataque barcelonista estava atado e não encontrava espaço para arrematar a gol. 

Com um homem a menos o time espanhol parecia entregue e a torcida inglesa bradava C’mon Chelsea, c’mon Chelsea!

Tudo indicava que o ferrolho armado por Guus Hiddink triunfaria sobre a alegria e a magia catalã. Mas só parecia.

Dizem que os Deuses do futebol amam e veneram a injustiça. Pois na tarde de ontem as tais divindades da bola apareceram no Stamford Bridge pra contrariar a verdade popular.

Quando ninguém mais esperava, quando ninguém mais acreditava, Messi recebeu uma bola na ponta da área inglesa. Fechado por 3 marcadores o argentino rolou a bola pra trás, do outro lado da área. E Iniesta bateu de primeira.

Aos 48 minutos do segundo tempo o camisa 8 acertava o primeiro chute do Barça na baliza defendida por Cech. E que chute. No Ângulo. Impensável, indefensável.

Mais que gol do Barça, foi um gol do futebol!

E nada contra o sistema ultra defensivo armado pelo técnico holandês nas duas partidas. Hiddink entendeu que só se defendendo – muito e bem – o Chelsea poderia passar pelo Barcelona. E foi por muito pouco. O time inglês cumpriu com maestria a proposta do seu treinador, se defendeu como poucas vezes vi um time fazer.

Mas seria uma grande heresia se o Barça ficasse de fora desta final. O time do jovem treinador Josep Guardiola encantou o mundo nesta temporada e mereceu chegar a Roma.

E – deixando de lado as paixões clubísticas – sejamos sinceros, Manchester X Barça é a final dos sonhos de 9 entre cada 10 amantes do futebol.

Desta vez os tais Deuses do futebol influiram a nosso favor!

Dia 27 tem Manchester X Barcelona, tem Cristiano Ronaldo, tem Messi. E também tem Rooney, Giggs, TevezCarrick, Evra, Anderson, Van der Sar, Vidic; tem Xavi, Iniesta, Eto’o, Henry, Piqué.

Dia 27 em Roma, tem festa da bola!

barcelona x manchester

Anúncios

É ele ou eu

craques africanos smudge pnA Fifa, juntamente com as confederações continentais, vivem alterando o formato das eliminatórias para a Copa do Mundo a fim de evitar distorsões entre os classificados. 

Assim fez com a zona sul americana, com a européia e, mais recentemente, alterando o cruzamento das repescagens intercontinentais.

O engraçado é que o formato, aliás, bizarro formato das eliminatórias na zona africana não incomoda os homens de terno e gravata de Zurique.

É certo que trata-se de uma região complicada devido ao grande número de países filiados, mas que o modelo poderia ser melhorzinho, disto não há dúvidas.

O sistema atual nos tirou, por exemplo, Camarões e Samuel Eto’o do último mundial.

Pra Copa da África do Sul o esquema foi o seguinte:

53 seleções filiadas

1ª Fase – Preliminar

10 países de pior ranking disputariam uma eliminatória de onde se classificariam 5 pra segunda fase com 48 seleções dividias em 12 grupos. Mas houveram 4 desistências na fase preliminar. As 6 que restaram fizeram um mata mata de onde se classificaram Djbuti, Serra Leoa e Madagascar.

2ª Fase

 Era pra ser disputada com 48 seleções, mas com as desistências nas preliminares somente 46 times disputaram a segunda fase.

10 grupos com 4 participantes e 2 grupos com 3 seleções, classificando os 12 campeões de grupo e os 8 melhores segundos colocados.

3ª Fase – Final

5 grupos com 4 equipes, o campeão de cada grupo se classifica para a Copa do Mundo.

E é aí que mora a injustiça. Os grupos finais se formam através de sorteio dirigido com base no rankeamento da Confederação Africana.

Pro último mundial ficaram no mesmo grupo a Costa do Marfim de Didier Drogba e Kolo Toure, Camarões de Samuel Eto’o e o Egito que era então,  o campeão do continente negro.

Resultado, tivemos uma Copa sem um dos melhores centroavantes do mundo, sem o campeão africano e, ao invés disto, vimos uma inexpressiva e sem graça Angola que, em termos de futebol, nada acrescentou ao mundial da Alemanha.

Para 2010 outros grandes craques africanos poderão ficar de fora da Copa. Os grupos da fase final são:

mandela copa grupos

Sendo assim, a primeira Copa do Mundo realizada na África terá Samuel Eto’o ou Emmanuel Adebayor. O mundial não tem lugar pros dois centroavantes, ou é o craque camaronês do Barça ou o artilheiro togolês do Arsenal.

No grupo D o encontro entre Gana e Mali também vai tirar pelo menos um grande craque da Copa. Do lado de Gana Michael Essien, pra mim o melhor jogador africano da atualidade e um dos Top 5 da Premiere League. Já a seleção malinêsa conta com o futebol dos ótimos Seydou Keita (Barcelona) e Frederic Kanoute (Sevilha).

Já é hora dos dirigentes olharem pra África. Isto pra me ater somente ao futebol. Será uma grande lástima ter mais uma Copa do Mundo sem o futebol de Samuel Eto’o. Sem Essien também, aí seria um verdadeiro desastre para o continente e para o futebol.

Ainda mais se pensarmos que a cada 4 anos a Copa do Mundo vem perdendo mais e mais o seu brilho. Os grandes craques que conseguem chegar ao mundial geralmente estão no bagaço, extenuados pela temporada de clubes, cada vez mais exigente. 

Em 2010 por exemplo, corremos o risco de ter uma Copa sem Ibra e Cristiano Ronaldo. Sem Eto’o, sem Essien. Sem Henry.

Sei que grandes craques ficaram de fora de mundiais por uma ou outra razão. Faz parte do jogo. Mas no caso africano especificamente, um pouquinho de organização poderia melhorar, e muito, a situação.

Campeonato Inglês é o destaque do Fim de Semana de Eleição

Os dois grandes destaques da rodada européia de fim de semana ficam por conta do Campeonato Inglês.

Pra nossa sorte os dois grandes jogos acontecem no domingo de eleição.

Dia em que não haverá jogos do brasileirão.

Então o negócio é se ligar na terra da rainha.

Chelsea X Aston Vila

O Villa é a grande sensação deste início da Premier League. Venceu 4 dos 6 jogos e é o 3º colocado com 13 pontos, a frente dos grandes Arsenal e Manchester United.

A força do time de Birmigham está em sua poderosa dupla de ataque formada pelo norueguês John Carew e o nigeriano-escocês Gabriel Agbonlahor.

Cada um já marcou 4 vezes e eles dividem a vice-artilharia da liga.

Confiante na Invencibilidade

Confiante na Invencibilidade

Já os comandados de Felipão têm uma dura missão neste domingo.

Manter a liderança e a longa invencibilidade no Stanford Bridge.

Os azuis nào perdem em seu domínio desde a derrota para o Barelona pela Champions em 2006.

Na liga inglesa o Chelsea não perde em casa desde fevereiro de 2004 quando foi derrotado pelo Arsenal por 3X1.

Para o jogo com o Villa Felipão tem pelo menos 5 problemas: Drogba, Essien, Ricardo Carvalho, Joe Cole e Deco não jogam machucados.

Domingo – 11h – Espn Brasil

Manchester City X Liverpool

O City pode pará-lo?

O City pode pará-lo?

Todos ingressos já estão esgotados para o o jogo de domingo no Estádio City of Manchester. Essa será a principal força do Manchester City para encarar o Liverpool de Steven Gerrard.

O Liverpool tem 14 pontos e divide a liderança da Premier League com o Chelsea.

E conta com seu capitão em fase esplendorosa. Se é que podemos chamar de fase, já que faz muito tempo que Gerrard vem arrebentando.

Apesar de ter o melhor ataque da competição com 16 gols o City é apenas o 8º colocado com 9 pontos.

Campanha modesta pra quem investiu tanto.

Domingo- 17h30 – Espn Brasil

Confira a lista de jogos transmitidos pelos Canais ESPN