Vodka na cabeça!

Quem gosta de futebol e nunca sonhou em marcar um gol num jogo de verdade e sair ovacionado pela torcida?

Acho que todos amantes da bola já tiveram este desejo.

Neste fim de semana um torcedor realizou o sonho de todos nós que não chegamos a ser profissionais.

A partida, válida pelo campeonato russo, era Saturn X Spartak. Os visitantes tinham um pênalti a seu favor e quando Alex – ex Inter de Porto Alegre – se preparava para efetuar a cobrança um torcedor invadiu o campo e bateu a penalidade antes do meia.

Os jogadores riram, as arquibancadas do Saturn Stadium foram ao delírio!

Sei que é politicamente incorreto, mas como não tô nem aí pra isto, eu confesso que também delirei! O gordinho fez o que todos nós sonhamos um dia!

E o melhor foi a comemoração ao lado do amigo… tudo sob os aplausos da galera!

Se ainda não viu, tá aí o vídeo, divirta-se!

Canal do Youtube: almiro
Anúncios

Bela Vitória

Bela vitória colorada na noite de ontem.

Foi só 1X0 e com gol de pênalti, é verdade. Mas fora de casa e com um jogador a menos desde os 24 do primeiro tempo.

E contra um bom time que não perdia no Estádio Ciudad de La Plata há 43 partidas, mais de 18 meses de invencibilidade.

Alex marcou o gol, mas os que jogaram muito mesmo foram D´Alessandro, Nilmar e Bolívar, este último pra mim o grande nome do jogo.

Outro que jogou muito bem foi o goleiro Lauro que nem foi muito exigido, mas matou a melhor jogada do Estudiantes que é a bola alta.

Embora o time de La Plata tenha jogadores técnicos, o ponto forte dos Pinchas são os cruzamentos de Verón para Boselli, Lázaro ou Calderón. É daí que surgiram quase 60% dos gols do Estudiantes nesta temporada.

Os pontos negativos foram Guiñazu, expulso infantilmente antes da metade do primeiro tempo. Álvaro que só não foi expulso pela complacência do senhor Carlos Amarilla.

E o pior do Inter sem dúvida foi Tite. Trocar Nilmar, Alex e D´Alessandro por Gustavo Nery, Sandro e Danny Morais? É muita vontade de empatar pro meu gosto…

Mesmo com Tite e Gustavo Nery o Inter bateu o Estudiantes em La Plata e pôs uma mão na Taça.