Palpites pras oitavas da Champions

Hoje começam as oitavas de final da Uefa Champions League, o melhor campeonato de futebol do Mundo!

E o Ópio não vai ficar de fora dessa. Na sequência, os palpites para essa primeira fase do mata mata. Vale a lembrança, os palpites são pra quem passa de fase, não pra quem vence os jogos de ida, ok?

Tottenham X Milan

Um confronto bem interessante destas oitavas de final. Do lado do Milan, a camisa e a tradição. Do lado do Tottenham, um time mais organizado e equilibrado. À época do sorteio eu cravava que os ingleses passariam, mas confesso que Antonio Cassano pôs uma pulga atrás da minha orelha. Desde que o atacante foi contratado junto à Sampdoria, o Milan se tornou um time mais vibrante, menos blasé. E se o Tottenham tem equilíbrio, organização e o excelente Gareth Bale, o time de Milão tem Ibrahimovic em grande fase. O resultado da primeira partida, na Itália, será fundamental pra decidir esse confronto e eu acho que o Milan passa às quartas.

Schalke 04 X Valencia

Tecnicamente este é o pior confronto das oitavas. O Schalke capenga no campeonato alemão (10º colocado) e o Valencia não empolga ninguém, mas pelo menos faz um bom papel na liga espanhola, é 3º, atrás apenas da dupla Barça e Real. Se o embate entre espanhois e alemães não enche os olhos do ponto de vista técnico, pelo menos é um grande atrativo no que se refere ao equilíbrio. Confronto difícil de dar um prognóstico, mas não dar pra apostar no Schalke, dá Valencia.

Barcelona X Arsenal

O jogo dos virtuosos. Barcelona e Arsenal são os times que praticam o futebol mais vistoso do velho continente. Seus técnicos – Guardiola e Wenger – são verdadeiros estetas, querem ganhar, mas a vitória não basta, tem que ter aplausos. Na temporada passada os dois se cruzaram, deu Barça com show de Messi e o treinador do Arsenal vaticinou: Ele é um jogador de vídeo game. Eu diria mais, Messi não é um jogador de vídeo game, é um bug futebolístico, incapaz de ser parado na bola. Adoro ver o Arsenal jogar, mas enquanto do outro lado houver Messi, Xavi e Iniesta, meu voto é do Barça!

Shakhtar Donetsk X Roma

Embate bem interessante. De um lado os ucranianos do Shakhtar Donetsk com um time arrumadinho, que joga de forma organizada e sabe exatamente o que quer dentro de campo. Do outro os italianos da Roma, um dos times mais instáveis da Europa, capaz de encarar a Inter em Milão e depois tomar um chocolate do Avelino em casa. O primeiro jogo é na Itália, o que pode favorecer a Roma, mas eu aposto no Shakhtar.

Chelsea X Copenhagen

O Copenhagen foi uma boa surpresa na fase de grupos, jogou bem e conseguiu até um empate com o Barça, 1 X 1 na capital dinamarquesa. O Chelsea vive seu pior momento desde a chegada do dinheiro russo ao clube. O time não se encontra e com o crescimento dos rivais internos, se vê em risco de ficar de fora da próxima Champions – hoje ele é apenas o 5º colocado, na zona de classificação da Europa League. Mesmo assim acho que dá Chelsea.

Real Madrid X Lyon

Nas últimas 6 temporadas o Real Madrid caiu nas oitavas da Champions, cada ano com um treinador diferente. O sétimo é o aclamado José Mourinho e pelo embalo do time merengue é difícil de acreditar que o tabu resista. Do outro lado está o Lyon, responsável pela eliminação do Real na temporada passada. O time francês é organizado, equilibrado, mas sem brilho. Neste confronto existe a chance de zebra, mas acredito que o Real passe até com certa folga.

Bayern de Munique X Inter de Milão

Este é um confronto que dispensa comentários, basta dizer que na temporada passada este jogo foi a final da Champions League. A Inter vive uma fase de transição, Leonardo assumiu a equipe após o Mundial Interclubes e o time vem crescendo, embora se note alguma instabilidade. Ponto alto do escrete interista, o camaronês Samuel Eto’o que está simplesmente comendo a bola na atual temporada. O Bayern é apenas o 3º colocado na liga alemã, 13 pontos atrás do líder Borussia Dortmund. O time bávaro tem grandes problemas na defesa, mas na frente Robben e Thomas Muller se encontram em grande fase e podem fazer a diferença para os alemães. Esse confronto é de longe o mais difícil de apontar que passa e quem fica. Com tanto equilíbrio não existe prognóstico, é tudo palpite. E o meu é que os alemães se vingam da derrota na final na temporada passada.

Manchester United X Olympique de Marselha

O Olympique tem uma equipe dura de ser batida. Uma defesa sólida – mesmo com o Heinze – e um meio de campo bem pegador, na frente não conta mais com o ótimo Mamadou Niang e o ataque é o ponto fraco do time francês. E se o ataque deles é o problema, a defesa do Manchester é a solução. Ferdinand e Vidic formam o melhor miolo de zaga do mundo e mesmo sem um deles, o substituto Chris Smalling já mostrou que dá conta do recado! Sem falar que é o Manchester do Alex Ferguson. O time inglês é favorito absoluto no confronto.

Imagem: Living The Dreams
Anúncios

Gol de técnico

Há uns dez dias o técnico do Nagoya Grampus fez um golaço na partida contra o Yokohama Marinos pela J-League.

O gol, logicamente não valeu, mas mesmo assim merece uma placa no Nissan Stadium.

O autor do gol é o célebre e controverso craque iugoslavo – no mundo de hoje seria sérvio – Dragan Stojkovic.

Pros mais novos, Stojkovic era um daqueles clássicos camisas 10 que hoje quase não existem e pelos quais tanto choram os mais românticos dos críticos. Extremamente técnico, errava no máximo 3 passes por temporada e era capaz de dar lançamentos perfeitos de 50, 60 metros.

Na Copa de 90 Stojkovic foi o grande jogador da Iugoslávia e fez uma partida épica contra a Espanha nas oitavas de final, marcando dois golaços! Ironicamente foi um dos 3 jogadores que perderam os pênaltis que resultaram na eliminação iugoslava nas quartas contra a Argentina.

Um jogador fantástico que na final da Champions League de 1991, atuando pelo Olympique de Marselha, se negou a bater um pênalti contra seu ex clube, o Estrela Vermelha de Belgrado, seu time de coração. Nesta final os iugoslavos ficaram com o título com um 5 X 3 nas penalidades.

Mas 2 anos depois Stojkovic se redimiu com a torcida da riviera francesa e ajudou o mesmo Olympique de Marselha a conquistar a Champions de 93, derrotando o poderoso Milan na decisão.

Sem mais delongas, vale a pena ver o lance do técnico Dragan Stojkovic.

Canal do Youtube: The Jamie Bullen Channel

UEFA Champions League 09/10

Hoje começa a UEFA Champions League, o melhor torneio de futebol de clubes do mundo e pra mim, técnicamente melhor até que a Copa do Mundo, tendo esta última um componente extra que é a disputa entre nações, mas do ponto de vista técnico não tenho a menor dúvida que a Champions é melhor.

O Barça defende o título da última temporada e mais uma vez é um dos faoritos. O Real Madrid começa a disputa da competição cheio de pompa, com Kaká e Cristiano Ronaldo, dois campeões dos últimos 3 anos. Mas eu tenho a sensação que este ano é do Chelsea. Os azuis de Londres passaram raspando nas duas últimas edições da Champions. Na temporada 07/08 foi finalista e na decisão teve uma grande chance de levantar a taça. Com 4 X 4 na disputa de pênaltis bastava o capitão John Terry converter a última cobrança, mas o zagueirão acabou escorregando e na sequência o Manchester faturou.

Na edição anterior o Chelsea repetiria a final com o Manchester até os 49 do segundo tempo da partida de volta da semi contra o Barça. Mas Iniesta acertou um chute fantástico da entrada da área desclassificando o time de Stamford Bridge. E na finalíssima deu Barça, 2 X 0 sobre os pupilos do Sir Alex Ferguson.

Pra este ano o Chelsea manteve a base da temporada passada. Só perdeu Shevchenko – que hoje em dia não faz muita diferença – e contratou o russo Zhirkov que é um bom jogador, mas nada de excepcional. Em compensação no banco de reservas tem agora o italiano Carlo Ancelotti, retranqueiro convicto, mas que sabe o caminho do título. Ele foi campeão com o Milan por duas vezes como jogador (88/89 e 89/90) e outras duas como treinador (02/03 e 06/07). O futebol dos times dirigidos por Ancelotti também não me agradam, em nada! Mas que ele sabe armar equipes vencedoras e difíceis de serem batidas, isto é inegável.

Abaixo uma rápida análise dos 32 times da Uefa Champions League 09/10

Os Favoritos

barçaBarcelona

Como não poderia deixar de ser o Barça entra na Champions deste ano como um dos grandes favoritos. E não há outra expctativa para uma equipe que tem um ataque formado por Messi, Ibrahimovic e Henry. Sem falar em Xavi, Iniesta, Yaya Touré, Daniel Alves e Piqué, um timaço!

Ponto Positivo: São muitos os pontos fortes do Barcelona. Sua escola de jogo, tão própria, tão bela. A divisão de base catalã que não para de fornecer jóias à equipe principal. O meio de campo formado por Yaya Touré, Xavi e Iniesta. Mas sem dúvida a grande expectativa é para o que farão juntos Messi, Ibrahimovic e Thierry Henry.

Ponto Negativo: Por outro lado é difícil ressaltar alguma coisa negativa no time dirigido por Josep Guardiola. Talvez apenas a pressão de defender o título. Lembro que na temporada passada eu e Thiaguinho Lesadão conversávamos sobre a dificuldade de vencer duas vezes consecutivas uma competição deste peso.

Estádio: Camp Nou – Capacidade: 98.772 expectadores.

chelseaChelsea

Como já disse acima tenho a sensação que este será o ano do Chelsea. O time londrino bateu na trava nas duas edições anteriores e penso que Carlo Ancelotti pode trazer a fagulha vencedora que faltou aos azuis nas temporadas passadas.

Ponto Positivo: O Chelsea manteve sua base da temporada passada. Perdeu o ucraniano Shevchenko e contratou o russo Zhirkov. O time é muito forte com uma defesa sólida, um meio de campo excelente que conta com os ótimos Essien e Lampard. Além de um ataque letal com a dupla Drogba e Anelka.

Ponto Negativo: A pouca camisa. Embora o Chelsea tenha se transformado em uma grande potência, seus concorrentes ainda o olham de cima. O time londrino ainda não conseguiu perder a cara de novo rico, de emergente. E isto pode pesar na hora da decisão.

Estádio: Stamford Bridge – Capacidade: 42.055 expectadores.

liverpoolLiverpool

Se tem um time que pode ser enquadrado no rótulo de copeiro no velho continente este é o Liverpool. Tá sempre chegando e vez por outra ganhando. Ou vocês não se lembram da fantástica decisão de 2005 em Istambul?

Ponto Positivo: A essência copeira. O Liverpool é daqueles times chatos. E quando faz a primeira fase meio capenga, aí que os rivais devem se preocupar mesmo. É uma espécie de Itália dos clubes europeus. Também conta com uma fanática torcida e dois jogadores que eu julgo muito acima da média, o espanhol Fernando Torres e o inglês Steven Gerrard, este último absolutamente fantástico!

Ponto Negativo: O time atravessa uma grave crise financeira. Perdeu um de seus pilares no meio campo, o volante espanhol Xabi Alonso que foi para o Real Madrid, juntamente com o lateral Arbeloa. Faltam peças de reposição e isto pode fazer a diferença.

Estádio: Anfield Road – Capacidade: 45.362 expectadores.

manchester_unitedManchester United

É verdade que o Manchester perdeu seu principal craque para o Real Madrid, o português Cristiano Ronaldo, melhor jogador do mundo na temporada passada. Também perdeu seu principal reserva, o argentino Carlos Tévez que foi para o rival de cidade, o City. Mas o Manchester é o Manchester e só isto já vale o favoritismo.

Ponto Positivo: Com a saída de Cristiano Ronaldo, Wayne Rooney assume cada vez mais o papel de protagonista do time de Alex Ferguson. E pelo início da temporada, o Shrek Rooney tem mostrado que a torcida dos Diabos Vermelhos pode se empolgar. Ele tá jogando muito e tem tudo pra se firmar este ano como um dos 5 melhores jogadores do planeta.

Ponto Negativo: É um momento de reestruturação do Manchester. Sem Ronaldo ainda não sabemos como o time se comportará. Em outras oportunidades em que Ferguson perdeu seu camisa 7 (Beckham e anteriormente Cantoná) o time passou por maus momentos. Mas eu não descarto o Manchester.

Estádio: Old Trafford – Capacidade: 76.212 expectadores.

Continue lendo